Antero de Quental

Antero de QuentalVida e Obra

Antero de Quental (1842/1891). Natural de Ponta Delgada – Açores é o mentor da Geração de 70 que marcou decisivamente o panorama cultural do país das últimas décadas do séc. XIX. Sendo um dos nomes maiores da literatura portuguesa e um dos raros autores que aliam a criação poética, de incontestável qualidade e representatividade estética, e uma intensa atividade cívica, política e intelectual, Antero foi também um notável prosador nos domínios da filosofia, da interpretação histórica e do ensaio, deixando eco que ainda hoje está longe de se extinguir. É inquestionável a intervenção de Antero de Quental na vida do seu tempo e o interesse e empatia que despertou nos seus contemporâneos e nos que se reconheceram, posteriormente, herdeiros de um percurso que configura, em vários aspetos, o perfil mítico que o séc. XIX, desde os primórdios românticos. Pelo uso da sua palavra teceu a figura do poeta como condutor e redentor da humanidade.

Escultor
Álvaro RAPOSO DE FRANÇA

Mecenas
UNITED BISCUITS IBÉRICA, LDA

Pétala 25

Seja sociável, partilhe !

    Deixar uma resposta